Por muitos anos eu escutei o discurso de que ao chegar ao trabalho você deve vestir a camisa da empresa e deixar seus problemas lá fora. E ao ir embora, deixar os da empresa dentro dela e não levar para casa. Isso está certo? Será possível para uma mãe deixar seu filhinho em casa com 38° de febre, ainda que medicado, e não se preocupar durante todo o expediente de trabalho? É salutar chegar em casa e não poder dividir com a família o problema profissional que está te afligindo?

Esse tipo de raciocínio é fruto da dualidade corpo x mente pregada pelo filósofo francês René Descartes e que tem dominado a filosofia ocidental nos últimos trezentos anos.

 

CONTINUE LENDO…