Imagino que você já se pegou algumas vezes dizendo em novembro ou dezembro: “nossa o ano passou tão rápido, já é quase Natal e eu nem vi”!
A questão é que você pode em 2014 terminar o ano dizendo: “Nossa, o ano passou e eu nem vi” sem problema algum. E talvez em 2015 você repita: “nossa, o ano passou e eu nem vi”, o mesmo ocorrendo em 2016, 2017, 2018… O problema é que ao final da vida, por consequência, você dirá: “nossa, minha vida passou e eu nem vi”.

E como é possível evitar isso? A receita é simples!

 

CONTINUE LENDO…